eletricista-em-curitiba

Definição de Eletricista

O eletricista em Curitiba é o profissional que realiza instalações elétricas, vistoria seu funcionamento e repara aparelhos elétricos, eletrônicos e redes de distribuição de energia elétrica, produzindo e interpretando projetos de instalações, instalando equipamentos e fiações elétricas, fazendo manutenção de máquinas elétricas, registrando eventuais problemas e suas soluções e promovendo substituições de peças.

 

A profissão de eletricista em Curitiba

Os eletricistas são profissionais fundamentais no setor industrial e na área de construção civil. Ele tem a opção de trabalhar nas áreas industriais, comerciais e residenciais. Por atender diversos segmentos o eletricista é muito procurado e bem pago pelos seus serviços. O profissional dessa área deve basicamente saber projetar, executar e fazer manutenção de instalações elétricas em geral. Um eletricista formado e com experiência consegue interpretar desenhos técnicos de fiação elétrica, fazer manutenção de máquinas elétricas, executar reparos ou substituir equipamentos e fiação elétrica, testar a segurança de equipamentos elétricos, consegue projetar redes de distribuição de energia e outros diversos serviços.

Para ser um bom eletricista, o profissional deve ter algumas qualidades pessoais como organização, ter um raciocínio prático e lógico, ser rápido, metódico e responsável. Além dessas qualidades, ele precisa ter boa habilidade técnica, ser eficiente e eficaz na hora de resolver problemas elétricos. Saber usar ferramentas de testes, fazer cálculos e interpretar problemas técnicos e achar de forma rápida soluções para eles.

É bom que esse profissional conheça sobre as legislações e códigos sobre os assuntos da área elétrica. O trabalho de um eletricista é de alto risco de acidentes como quedas de andaimes ou de escadas e choques elétricos por isso entender os procedimentos de segurança na hora de efetuar seu trabalho são fundamentais.

Na hora executar seus serviços, os profissionais na área de elétrica costumam utilizar diversos equipamentos/ferramentas como: chaves de fendas, escadas, furadeiras elétricas, carros para transporte, descascador de fios, lâminas, cinzel, alicates, canivetes, martelos, lanternas, luvas, botas, trena, aparelhos que testam a energia elétrica e equipamentos de segurança.

O eletricista em Curitiba pode ser autônomo ou trabalhar em alguma empresa especializada em serviços elétricos. A maioria acaba sendo dono do seu próprio negócio e trabalhando fora do horário comercial. Por atender emergências, o eletricista pode prestar serviços praticamente 24 horas, e atender aos finais de semana e feriado. Por causa disso, esse profissional acaba cobrando um pouco mais caro pelos serviços executados.

 

Conhecimentos necessário a todo eletricista

Sabemos que o conhecimento é um grande diferencial no exercício de qualquer atividade profissional a ser executada, portanto, uma qualificação é indispensável. O curso necessário à formação de um eletricista, engloba conhecimentos que precisam ser muito bem assimilados pelo mesmo para que possa efetuar seu trabalho com destreza. Veja a seguir:
 

Eletrotécnica:

Aqui estuda-se os fundamentos teóricos que servirão de base para a realização dos trabalhos práticos. Essencialmente são vistos nesses assuntos: eletricidade, resistência elétrica, potência e energia, circuitos paralelos, em série e mistos, condensadores, magnetismo e eletromagnetismo, corrente contínua e alternada, sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos, transformadores, dínamos, motores e alternadores.
 

Instalações Elétricas de Interior:

Para o planejamento de uma instalação elétrica é necessário ter noções de representação dos componentes (elementos integrantes). Para isso é feito um estudo de caso que identifica práticas a serem aplicadas no decorrer de um serviço contratado. Nesse quesito estuda-se: representação gráfica dos elementos em um circuito, símbolos das instalações elétricas e segurança dessas instalações sejam elas residenciais, prediais ou industriais.
 

Segurança das Instalações Elétricas:

Pensando na garantia de um bom serviço executado, todo eletricista deve ter a responsabilidade de assegurar a integridade das pessoas e animais bem como do próprio ambiente. A segurança é portanto item prioritário a considerar. Estuda-se para tanto, normas de segurança no campo elétrico, prevenção dos riscos elétricos e aterramento das instalações elétricas.
 

Procedimentos de Primeiros Socorros:

Nunca se sabe quando ocorrerá um acidente de trabalho e, acontecendo, qual o risco sofrido pela vítima. Pensando na condição de sobrevivência em situações imprevisíveis como essa, o profissional eletricista deve estar preparado para prestar o devido auxílio a um colega de profissão no ambiente de trabalho, dentro de seus conhecimentos adquiridos. O curso de primeiros socorros serve para um atendimento de urgência, lembrando que não dispensa a necessidade do auxílio a ser prestado por paramédicos, ligando para o telefone de emergência da cidade.
 

Certificações que devem ter os profissionais eletricistas

As normas de segurança do trabalho, também conhecidas como normas regulamentadoras de segurança do trabalho (NR), representam um conjunto de exigências e condutas relacionado à segurança e saúde do trabalho, que também se enquadra nos eletricistas em Curitiba.

A NR-10 (sendo NR a sigla de Norma Regulamentadora), estabelece que os trabalhadores aptos a exercer atividades com eletricidade são todos que possuem habilitação ou sejam capacitados, portanto recebam qualificação através de treinamento obrigatório com anuência formal da empresa.

Em um de seus anexos a norma acima mencionada estipula os treinamentos compulsórios a todo e qualquer trabalhador que precise desempenhar atividades com eletricidade a saber:

Curso Básico – Segurança em Instalações e Serviços com Eletricidade, com carga horária de 40 horas, para todos os trabalhadores que pretendem atuar com eletricidade;

Curso Complementar – Segurança no Sistema Elétrico de Potência (SEP) e em suas proximidades, com carga horária de 40 horas, adequado a profissionais que exercem atividades no Sistema Elétrico de Potência ou em suas proximidades.

As exigências e condutas devem ser seguidas por empresas particulares, públicas e, também, por órgãos do governo que tenham empregados registrados pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). Caso desejar, conheça todas as Normas Regulamentadoras.

 

Recomendações

Portanto, se você está a procura de um eletricista em Curitiba, esteja atento ao contratar. Procure uma empresa séria e competente, preferencialmente já conceituada, pois irá lhe transmitir maior segurança, tanto para quem irá até o local do serviço, quanto ao conhecimento técnico do profissional.

 
 
 
Fonte: ISC, Portal Eletricista, Saber Elétrica, Sala da Elétrica, Eletricistas, GetNinjas

(Este conteúdo foi visitado 177 vez(es) | 1 visita(s) hoje)
Você também pode ser interessar por:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>